RÁDIOS COMUNITÁRIAS IRREGULARES

SINDIRÁDIO CONQUISTA 2 DECISÕES FAVORÁVEIS EM AÇÕES MOVIDAS CONTRA RÁDIOS COMUNITÁRIAS IRREGULARES DE SÃO LUIZ GONZAGA E NÃO-ME-TOQUE

O Sindicato das Empresas de Rádio e TV do RS move ações em todo o Estado contra rádios comunitárias irregulares, em defesa dos direitos de suas emissoras filiadas, já que a infração das leis da radiodifusão comunitária acarreta em concorrência desleal contra as emissoras comerciais.

Nas decisões favoráveis ao Sindicato, a justiça determinou que a Associação Comunitária Cultural Amigos de São Luiz Gonzaga e a Associação da Radiodifusão Comunitária Não-Me-Toque se abstenham da transmissão de propagandas de natureza comercial, limitando-se a transmitir somente apoio cultural, obedecendo aos termos da legislação vigente, sob pena de multa.

Nos últimos meses, o Sindicato das Empresas de Rádio e TV do RS obteve decisões favoráveis em outras 9 (nove) ações contra emissoras de rádio comunitárias que operam de forma irregular:

 

Associação Comunitária de Ivotí - Ivotí

Associação Farroupilha de Comunicação Comunitária - Farroupilha

Rádio Comunitária de Comunicação Alternativa FM – Giruá

Associação dos Amigos Legais de Morro Reuter - Morro Reuter

Associação de Radiodifusão Comunitária de Agudo – Agudo

Associação Comunitária de Cerro Largo - Cerro Largo

Associação Rádio Comunitária de Getúlio Vargas - Getúlio Vargas

Associação Comunitária de Desenvolvimento Cultural e Artístico de Nova Prata - Nova Prata

Associação Comunitária e Cultural de Salvador do Sul – Salvador do Sul

Se na sua cidade há alguma rádio comunitária operando em descordo com a legislação, denuncie. É papel do SindiRádio representar os interesses dos radiodifusores gaúchos.

 

Fonte: SindiRádio

 

Comentários

Notícias relacionadas

Arquivo de Notícias
Publicidade
Categorias
Aplicativos
Recentes