AUMENTAM CASOS DE COVID-19 EM MIRAGUAÍ

CONFIRMADO UM CASO DE VARIANTE DELTA NO MUNICÍPIO

A Secretaria Municipal de Saúde Miraguaí divulgou as 20 horas de sexta-feira, 22/10, novo boletim epidemiológico da Convid-19.

De acordo com os dados o município possui 25 casos ativos e 7 aguardam resultados de exames. Não há registro de hospitalização.

Conforme o vice-prefeito e secretário de Saúde, Leonir Hartk (Neco) até agora foram realizados 2.499 testes e dos quais 1.814 foram descartados. Do total de 633 confirmados com coronavírus, foram curados 623. O município totaliza 15 óbitos.

 

CONFIRMAÇÃO DE PRIMEIRO CASO DE VARIANTE DELTA EM MIRAGUAÍ

 

O vice-prefeito e secretário de Saúde, Leonir Hartk (Neco) confirmou um caso de variante Delta no município de Miraguaí. Segundo ele, a paciente está encerrando o período de quarentena e passa bem de saúde.

A Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), através do Campus de Palmeira das Missões/RS, havia confirmado no dia 22/10, por meio do projeto UFSM-Detecta, casos da variante Delta em vários municípios da região, entre eles, Miraguaí.

O Projeto da UFSM tem como objetivo identificar as linhagens e variantes genéticas do SARS-CoV-2 circulantes na macrorregião norte do Rio Grande do Sul. Recentemente, teve início o rastreamento das variantes de preocupação (VOCs) em uma pequena amostragem de indivíduos portadores de SARS-CoV-2, gerando um total de 76 amostras, até o momento.

De acordo com os resultados de 76 amostras obtidos até o momento, pelo projeto Detecta-Variantes, foi possível encontrar mutações compatíveis com a variante Delta em 42 delas, nos municípios: Boa vista das Missões (1), Constantina (4), Engenho Velho (1), Gramado dos Loureiros (1), Miraguaí (1), Novo Xingu (1), Palmeira das Missões (4), Planalto (9), Redentora (5), Rodeio Bonito (3), e Rondinha (2), Trindade do Sul (1), e Vicente Dutra (1); e, recentemente, em Dois Irmãos das Missões (1), Liberato Salzano (3), Iraí (1), Palmitinho (3).

Outras 34 amostras analisadas de diversas cidades mostraram mutações compatíveis com a variante gamma (P.1), conforme notificações realizadas anteriormente. Considerando que, desde a detecção do primeiro caso de Delta dentre as amostras estudadas, 52 amostras já foram analisadas, e 42 são da Delta, calcula-se um percentual de ocorrência de delta em 80% dos casos.

 

 

 

Rádio Planeta FM – 102.7

 

Comentários